O Grupo Mulher Brasileira condena veemente a violentamente a agressão física e psicológica sofrida pela brasileira Raissa Garcia na última quarta-feira, 29 de março, enquanto dirigia para sua residência em Framingham, onde reside com seus dois filhos menores.

Este crime de ódio é contra toda a população de Massachusetts e infelizmente não é o primeiro. De acordo com relatório de 2021 da Liga Anti-Difamação, Massachusetts tem o quarto maior nível de atividade de propaganda de ódio no país. Em 2020, o Estado recebeu 385 denúncias de crime de ódio.

Como dizemos no Brasil, “mexeu com uma, mexeu com todas”.

BASTA DE XENOFOBIA, DISCRIMINACÃO, RACISMO E CRIMES DE ÓDIO

O Grupo Mulher Brasileira se solidariza com Raissa e seus filhos e convoca todas as autoridades competentes, da administração Healey-Driscoll à Promotora do Middlesex, Marian Ryan, ao Consulado do Brasil em Boston e a todas as lideranças comunitárias a tomarem as medidas necessárias para que atos como estes não se repitam. Este crime precisa ser devidamente investigado e a agressora julgada de acordo com a lei.

Enquanto seres humanos continuarem a ser vitimizados por causa de sua nacionalidade, cor da pele, religião, ou orientação sexual, nenhuma de nós estará a salvo. Não há lugar no mundo para crimes de ódio e atos de supremacia branca.

BASTA DE XENOFOBIA, DISCRIMINACÃO, RACISMO E CRIMES DE ÓDIO

Leave a Reply

Your email address will not be published.